Agora o blog tem um grupo no WhatsApp *u*
Para aqueles que quiserem entrar é só me mandar uma mensagem no WhatsApp
Número: 12 991360875
Salvo que quem fizer algum tipo de trote ou usar meu número para fins malignos irá ser denunciado.

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

O Único Amor

1.    Surpresa
O sol brilhava e uma brisa suave passava por nossos rostos ao longe ouvia as vozes de meus pais e mais perto uma risada que sempre me deixava feliz. De repente o despertador toca
-Droga, este sonho de novo
Chamo-me Rayan, e tenho 19 anos, a três perdi meus pais em um acidente de carro e há um ano e meio estou morando sozinho nesta cidade meu tutor era o melhor amigo de meus pais, não se opôs a minha vinda para esta cidade, pois sabia como era importante para mim cursar engenharia na mesma universidade que meu pai.

Ultimamente tenho o mesmo sonho, sonho com um fim de semana que tivemos no lago eu, meus pais o tio Keito com seu filho o meu melhor amigo ate então, não sei por que, mas imagino que teve ser saudade da minha antiga vida.
Não sou um cara alto para minha idade sou ate muito baixo, tenho uma pele clara, cabelos pretos como piche, e olhos com uma cor meio clara caindo no verde graças a minha avó paterna que era inglesa.
E uma coisa que odeio realmente e pegar o trem para a faculdade como tenho uma aparência um pouca frágil não sei por que sempre me confundem com uma garota da ginasial.
-Ei, garotinha esta perdida? Que tal os tios aqui de levar para dar uma volta.
Levantei minha cabeça e encarei os três marmanjos a minha frente.
-O que velhote quem você esta chamando de garotinha?
-Ora ora, me desculpe, mas com este cabelo comprido me confundi, mas por que não nos deixa te pagar um suco pelo mal entendido.
-Isso mesmo você ate que e uma gracinha, por que não esquece a aula de hoje e nos faz companhia os tios aqui podem lhe ensinar umas coisinhas.
-Velhos nojentos, se não saírem daqui eu sou chamar um policial.
Se fossem só homens me cantando ate que eu não me irritaria tanto, mas no trem tem sempre um pervertido com a mão boba.
-Seu desgraçado se encostar em mim mais uma vez eu vou quebrar seu braço.
-Me desculpe, jovem o trem esta lotado hoje não.
-Não ,e acabou de vagar um lugar bem ali porque não se senta antes que eu quebre seu nariz.
Uma hora deste suplicio e eu chego a minha sala,o apartamento em que moro fica em um ótimo bairro e grande ate acho um exagero para mim,mas era dos meus pais e faz parte do acordo com meu tio.Meus pais não eram ricos mas tinha condição financeira estável e me deixaram em uma situação confortável.Ate mesmo porque a empresa que eu herdei esta em uma situação bem favorável no mercado de construções.
Não que eu seja um aluno brilhante mas vou bem nos estudos ate mesmo porque e uma coisa que gosto de fazer.
Especificamente hoje estou cansado e os primeiros horários são um pouco chatos com vários cálculos.Na hora do intervalo vou para o jardim da faculdade e me deito embaixo de uma arvore e penso em matar a resto do dia.
Fecho meus olho e logo começo a sonhar.
-Rayan não durma no chão você vai ficar doente- O som da voz de minha mãe me da cócegas e me faz um carrinho no rosto.
-Você sempre descuidado,já lhe dize varias vezes que dormir na chão vai te deixar gripado.
A voz de minha mãe se transformou em uma voz mais rouca e suave,uma voz que me acalmava todas as vezes que eu estava triste ou com problemas que não contava para meus pais.Esta era a voz que me reconfortou quanto meus pais morreram.
_Miro!!!!
Abro os meus olhos lentamente e a minha frente esta um rapaz alto com um sorriso de matar,um corpo esquio ,cabelos cor de mel e olhos castanhos,não há quem passe por ele e não o note.
-Acordou bela adormecida,pensei que teria de te beijar para quebrar o encanto.
-Miro,e você mesmo,não eu ainda estou sonhando então me deixa dormir só mais um pouco depois brincamos no lago.
-Olha que vou te beijar
Falando isso ele passou o dedo em meu lábio e eu me arrepiei todo.
-Miro e você mesmo? Não do sonhando?O que você faz aqui?
-Calma,temos tempo para todas as perguntas,mas primeiro me responda você anda sonhando comigo?
Ele me olhou com um sorriso,e eu corei na hora,ate mesmo para mim que sou homem vejo que Miro e um cara secxi.O que estou pensando.
-Não,não e isso ,só ando sonhando com a ultima vez que fomos ao lago.
-Ah!Anda pensando muito em seus pais .
Eu nunca precisei falar muito para o Miro saber o que eu sentia
-Não - menti mesmo sabendo que em relação a ele não adiantava
-Desta vez vai passar,pois tenho algo que quero te mostrar,pode ir comigo agora?
Balancei a cabeça,estava louco para matar aula mesmo.O carro de Miro estava estacionado perto do portão se eu não falei ainda Miro tem 23 anos,eu o conheço praticamente deste que nasci.Andamos um tempo de carro ate parar em frente ao meu prédio,o que achei estranho.Saindo do carro Miro me estendeu a mão e disse:

-Prazer sou seu novo vizinho!
  • Feita por Mei Kurosawa
Arigatoo o/

4 comentários:

  1. Quero saber oq vai acontecer nesse prédio... Quero continuação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada ,isso é importante pra mim

      Excluir
  2. Ownnn..por favor, continue :DDD gostei gostei, quero mais. =3

    ResponderExcluir