Agora o blog tem um grupo no WhatsApp *u*
Para aqueles que quiserem entrar é só me mandar uma mensagem no WhatsApp
Número: 12 991360875
Salvo que quem fizer algum tipo de trote ou usar meu número para fins malignos irá ser denunciado.

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Luz na escuridão - 3

Quando cheguei em minha casa Mamuru estava descansando no sofá e eu não resistir em acordado com uma mordida em seu pescoço, o sangue dele era maravilhoso e o único motivo de sempre parar era aquela lembrança que os olhos deles me traziam, da única pessoa que lembro de ter amado. - você ainda fica com cede mesmo depois de ter demorado tanto para voltar. - Ele me diz sonolento - saiba que para um vampiro sangue nunca é demais. - Dei um sorriso - quem é aquele? - Ele olhava para o garoto que tinha salvado mais cedo. - eu o trouxe para lhe fazer companhia e para ter mais alguém para me alimentar. - você está fazendo um harem seu pervertido. - Ele deu uma risada. - pervertido... - cheguei mais perto. - Vocês estão mais para meu gado. - eu sei que voce é uma monstro bonzinho. - Ele se aproximou e me beijou. - Não me troque por ele ok!? eu não disse nada apenas me retirei e fui para meu quarto escuro onde sempre passei as manhãs, sozinho. Quando sai do meu quarto vi os dois garotos ao qual agora me pertenciam sentados um ao lado do outro e Mamuru consolava o outro, eu não sabia seu nome ainda, me aproximei e ele me me encarava com os olhos cheios de medo. - você me salvou só para me tornar prisioneiro! ? - Ele estava chorando, mas estava tentando se recompor. - não me julgue você iria morrer se eu tivesse te deixado lá no frio depois de beber tanto do seu Sangue. - Me aproximei dele e ergui seu queixo - o que vai fazer... - e o mordi antes de uma resposta. - minha vida vai ser apenas isso agora... - e desmaia em meus preços. - você me perguntou se podia fazer algo em troca, não é!?- disse em seu ouvido - você é meio cruel as vezes. - mamuru disse colocando o outro garoto em seu colo. -finalmente percebeu isso... - sabe, você não se conhece tão bem como acha, no pouco tempo q estou aqui já sei que la no fundo você tem um bom coração.- ele colocou a mão sobre meu rosto pálido.- Se não fosse verdade nenhuma de nós dois estaria vivo talvez. - eu estive nesse mundo humano por muito tempo sozinho, observando vocês, me cabando por não ser fraco e você me diz que sou como qualquer humano medíocre. - você me acha medíocre... - não disse isso. - Eu pensei por um segundo e percebi que eu estava realmente amolecimento.- você está confundindo minha existência. - não, só estou tentando te mostrar uma existência melhor e com mais amor. - Ele estava sorrindo e eu não resisti e o beijei.

  • Feita por Shizuka-sama
Arigatoo ;3

2 comentários:

  1. Adorei ^.^ estou ansioso pela continuação

    ResponderExcluir
  2. Por favor shizuka - sama continua a estoria é linda

    ResponderExcluir