Agora o blog tem um grupo no WhatsApp *u*
Para aqueles que quiserem entrar é só me mandar uma mensagem no WhatsApp
Número: 12 991360875
Salvo que quem fizer algum tipo de trote ou usar meu número para fins malignos irá ser denunciado.

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Nahyel - 2

Cap. 2 – Fugindo do anjo

         Já se passou alguns dias desde que passei por aquele momento maravilhoso, todas as noites eu sonho com o rosto de Nahyel e com aquela tarde inesquecível.
         Desde aquele dia não consegui mais retorna minha rotina como antigamente.
         Pode até parecer mentira mais estou com saudades dele, não sei de onde ele é, quantos anos tem não sei de nada dele. Só sei que ele estuda na mesma escola que eu.
         Isso me preocupa muito não sei o que fazer se por acaso encontrar com ele nos corredores da escola, não sei o que ele irá fazer se me encontrar nos corredores da escola, será que ele vai me ignorar ou talvez vá me puxar e levar para o terraço e fazer tudo de novo que nem aquela tarde bem não irá ser como na última vez mais...        
         Espera um pouco, que merda é essa que eu estou falando por que ele iria me puxar e me levar para o terraço ou coisa do tipo. Estou pensando besteira, muita, muita besteira é mais fácil ele me ignorar.
         Embora eu queira muito ver ele para ele me explica bem as coisas nesse exato momento estou fugindo dele na escola.
         Isso mesmo a aula acabou faz 45 minutos fiquei sozinho na sala fazendo algumas anotações de química depois fui limpar o laboratório quando percebi ele estava me seguindo, só notei por causa que ele bateu a mão sem quere na bancada no laboratório e eu escutei.
         Desde então estou correndo para minha casa e ele está atrás de mim correndo feito um louco, ele está mais arrumado do que a primeira e última vez que vi ele.
         Parece que o mundo desapareceu mal vejo pessoas pela rua que sempre vou para chegar na parada de ônibus, estou cansado, ainda não avistei um ônibus, estou preso em um beco sem saída não vejo ninguém, nada.
         Foi quando eu vi o crepúsculo em um piscar de olhos entre as flores de sakura perto da parada. Eu parei de correr e ele me alcançou, me deu um abraço bem forte de costa e sussurrou em meu ouvido:
         - Você corre bem rápido, Yuu-chan.
         Estava tão cansado que nem conseguia falar, estávamos perto da parada de ônibus onde eu e ele ficamos lá esperando um ônibus não teve beijo nem nada, estávamos sentados. Percebi que depois que ele me alcançou voltou o movimento na rua que não tinha enquanto corria, ano entendi nada, ele me olhava com um sorrido safado no rosto, não vou mentir isso me deixava excitado.
         - Yuu- chan, estou indo passar o final de semana em sua casa. Disse Nahyel.
         -O que? Estás louco? Não nos conhecemos e você diz que vai para minha casa e tam-...
         Ele colocou a sua mão na minha boca olhou para mim e disse.
         - Vou considerar isso como um sim, mal posso esperar.
         Só sei de uma de coisa, vai ser um logo mais um longo fim de semana.


  •  Feita por Quel-chan
Arigatooo

9 comentários:

  1. love it love it love it amei pf continue

    ResponderExcluir
  2. to louca para saber o final. continue!!!!

    ResponderExcluir
  3. aaaaa quando sai o proximo capitulo??!!

    ResponderExcluir
  4. aaaaaaaa qro continuação!!!!

    ResponderExcluir
  5. Continua please !!!! Muito boa a sua estória!!

    ResponderExcluir
  6. Isto é loucura não é? Vc tem que continuar, a história é incrível, muito boa mesmo, vc n pode nem sonhar em abandonar ela T.T

    ResponderExcluir
  7. cade a continuação?!? Essa estoria é muito boa para para agora, vc tem que continuar!!!

    ResponderExcluir
  8. meu Deus........continuaaaaaaa...... *7*

    ResponderExcluir